HISTÓRIAS DO FUTEBOL






CONSORCIO MAPFRE – A maneira mais fácil de sair de carro zero.
I N F O R M E – S E! (83)– 8888 – 1587! Saia na frente e conheça o lance EMBUTIDO. Quem ganha e você!




Evaristo de Macedo
Ex-atacante do Fla, Barcelona e Real Madrid
por Rogério Micheletti

Evaristo de Macedo Filho, o Evaristo, ex-atacante do Flamengo, Barcelona e Real Madrid e um dos melhores jogadoresbrasileiros em todos os tempos, também fez uma bonita carreira como técnico, encerrada em 2007.

No currículo, Evaristo tem oito títulos baianos, quatro pernambucanos, um gaúcho, um Campeonato Brasileiro e uma Copa do Brasil.

O último clube dele foi o Santa Cruz-PE. O ex-treinador mora no Rio de Janeiro (RJ).

Nascido no dia 22 de junho de 1933, na capital carioca, Evaristo começou a carreira de jogador no Madureira (RJ), em 1950. Dois anos depois, ele já estava no Flamengo, onde foi tricampeão carioca (1953, 54 e 55).

Vestindo a camisa do Fla, foram 182 jogos (101 vitórias, 35 empates, 46 derrotas) e 102 gols marcados (Almanaque do Flamengo - Clóvis Martins e Roberto Assaf).

Evaristo de Macedo conseguiu a façanha de se tornar ídolo de dois rivais na Espanha: o Barcelona, clube que defendeu 1957 a 1962, e do Real Madrid, de 1963 a 1965.
Pelo Barça, Evaristo ganhou vários títulos, entre eles os espanhóis de 1959 e 60 e a Copa da Uefa de 1958, 1959 e 1960. Além disso, o ex-atacante, habilidoso, foi o maior artilheiro brasileiro da história do clube catalão.

Pelo time merengue, Evaristo seguiu ganhando títulos. Foram três campeonatos espanhóis: 1963, 1964 e 1965. Ainda em 1965, ele voltou ao futebol brasileiro e encerrou a carreira no Flamengo.

"O torcedor brasileiro não tem idéia de como o Evaristo de Macedo é idolatrado na Espanha. Foi, sem dúvida, um dos maiores jogadores do mundo em todos os tempos", diz Roberto Dinamite, ex-ídolo vascaíno e que teve rápida passagem pelo Barça.

Pela Seleção Brasileira, Evaristo de Macedo não teve muitas chances como jogar. Atuou em apenas 14 partidas e marcou oito gols. Detalhe: dos oito gols, cinco foram marcados em uma mesma partida.

No dia 23 de março de 1957, no Estádio Nacional, em Lima (PER), em partida válida pelo Campeonato Sul-Americano, o Brasil venceu a Colômbia por 9 a 0. Evaristo marcou cinco gols. Pepe, Didi (com dois) e Zizinho completaram o placar (fonte: Seleção Brasileira 90 anos - Antonio Carlos Napoleão e Roberto Assaf).

Como técnico, ele dirigiu importantes equipes do futebol brasileiro. Algumas delas foram: Flamengo, Vasco da Gama, Bahia, Grêmio, Corinthians, Vitória, Atlético Paranaense e Cruzeiro.

No Bahia, em 1988, ele viveu seu melhor momento treinador. Ele dirigiu o time que foi campeão brasileiro. A equipe-base do Tricolor baiano tinha: Ronaldo; Tarantini, João Marcelo, Claudir e Paulo Róbson; Paulo Rodrigues, Gil, Bobô e Zé Carlos; Charles e Marquinhos.

Pela Seleção Brasileira, Evaristo de Macedo não teve muito sucesso. Dirigiu a equipe em 1985, pouco antes das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 1986, no México.

Quem dirigiu o time canarinho naquele mundial foi Telê Santana.

No Grêmio, ele foi campeão da Copa do Brasil com o Grêmio, justamente sobre o Flamengo, clube que defendeu como jogador.
Postado por Marisa Alverga 




 

ADÍLIO DE OLIVEIRA GONÇALVES

            Adílio de Oliveira Gonçalves nasceu no dia 15 de maio de 19556, no Rui de Janeiro.
            Clube de origem: divisões de base do FLAMENGO.
            Estréia: 27.04.1975: Flamengo 2 X Rio Branco ( Amistoso em Vitoria – ES).
            Época no Flamengo: 1975 a 1987.
            Jogos: 630
            Gols marcados pelo Flamengo: 129

Histórico: Adílio, o neguinho bom de bola, como fora apelidado pelo radialista  Waldyr Amaral, definia bem o estilo  de jogo do apoiador. Muito  habilidoso, era capaz de driblar um defensor num espaço curto e sair com a bola dominada para concluir uma bela jogada.
            Ao lado de Andrade e Zico, no Mengão formou um dos melhores meios de  campo da história do Clube. Em 1986, passou a jogar pela ponta esquerda, posição em que não se sentia à vontade, mas mesmo assim foi nela que ajudou o time a conquistar o Campeonato Carioca do mesmo ano. Alguns comentaristas asseguram que se fizesse carreira como  ponteiro teria vida longa ma Seleção, onde jogou apenas duas vezes, uma oficial, contra a Alemanha no Maracanã e outra contra a Seleção Baiana, em Salvador (Jogo não oficial).
            Pelo Flamengo conquistou o tri campeonato estadual de  78 – 79- t9 (especial) e os estaduais de 81 e 86. Foi campeão do mundo em 81, tendo marcado um dos gols na vitória de 3x0 sobre o Liverpool e foi tricampeão brasileiro nos anos 80-82-83.

Postado por Marisa Alverga
           




  

MOZER

                    JOSÉ CARLOS NEPOMUCENO nasceu no Rio de janeiro, a 19.09.1960, jogava na posição de Zagueiro, veio da divisão de base do Flamengo e estreoou no dia 13.07.1980, no jogo Flamengo X Fluminense, pela Taça Guanabara, ganhando o FLAMENGO por 2 x 0.
                   Participou de 293 jogos, pelo Flamengo, de 1980 a 1986.
                   Marcou 23 gols pelo Flamengo.
                   MOZER foi um dos melhores Zagueiros da história do Flamengo. Combinava virilidade com  técnica, coisa rara para um Zagueiro e, sua boa estrutura  (1:84m) facilitava a impulsão, dando-lhe amplo domínio nas jogadas aéreas. Também se destacava nas cobranças de faltas, com chutes potentes e quase sempre com direção certa.
                   Jogando ao lado de grandes craques como Zico e Adílio, conquistou vários títulos para o Flamengo, como o Campeonato Brasileiro de 1983, o qual se registrou a maior goleada rubronegra sobre o Corinthians.
                   Defendeu a equipe da Gávea de 1980a 1986, participando de títulos importantes como os cariocas de 81 e 86,  os Brasileiros de 80, 82 e 83, a Libertadores de 81 e o Mundial de 81.
                   Nas suas 34 partidas pela Seleção Brasileira,  disputou a Copa do mundo de 90. Brilhou também no Benfica, Clube em que atuou de 86 a 91 e de 93 a 96 e teve uma pequena passagem pelo  Olympique  de  Marselha, entre 91 e 93.

Postado por Marisa Alverga











ZIZINHO

Thomas Soares da Silva nasceu em Niterói – RJ - a 14 de setembro de 1921 e jogava na posição de atacante.
            Clube de origem: Divisões de base do Flamengo e estreou jogando contra o Independente da Argentina no dia 24 de dezembro de 1939.
            Permaneceu no Flamengo de 1939 a 1950; Participou de  318 jogos, sendo187 vitórias, 56 empates e 75 derrotas e marcou  145 gols pelo FLAMENGO.